7 alimentos a evitar durante a gravidez, come algum?

Devemos obrigar criança a comer, sim ou não?
21 de junho de 2018
Como preparar os seios antes de amamentar
28 de junho de 2018

Está grávida!

Desde que o teste deu positivo, a sua vida mudou e as perguntas parecem não ter fim, por entre a vontade de conquistar as garantias de uma gestação saudável, que promova o normal desenvolvimento do seu filhote.

Tudo gira em torno disto, não é mesmo? A saúde desse seu novo amor, que cresce dentro de si.

Levar uma garfada de comida à boca já não é tão simples e banal.

Agora, questiona-se sobre quais os efeitos que cada elemento do prato pode ter na gestação. Quer promover o seu bem-estar e a saúde do feto.

Quer ingerir os nutrientes certos e as vitaminas essenciais. Quer garantir que se mantém hidratada e saciada.

Quer, no fundo, saber que tudo o que faz a leva em segurança até ao momento chave no qual poderá, por fim, agarrar o seu filho nos braços.

Vamos olhar para o lado mais negro da alimentação durante a gestação.

Sim! Isso mesmo… tal como encontra, no seu prato, aliados fabulosos para esta época da sua vida, encontrará nele, também, se não tiver cuidado, os seus maiores inimigos.

Neste artigo, iremos, por isso mesmo, explorar o universo dos “proibidos”, onde lhe diremos qual é o top 7 dos alimentos a evitar durante a gravidez.

1. Alimentação a evitar durante a gravidez

Nem todos os alimentos fazem bem. Esteja grávida ou não, esta é uma verdade a aceitar.

Dentro destes, existem alimentos nocivos, que devem ser evitados ou até cortados da alimentação e outros cuja preparação deverá ser cautelosa, para garantir que não acontece nenhum infortúnio.

Muitos destes alimentos são alergênicos (potencializadores de reações alérgicas), contém substâncias que podem prejudicar o feto (como é o caso de alguns peixes onde se encontram índices de mercúrio) ou precisam de ser realmente muito bem cozinhados para não se tornarem transmissores de doenças (como é o caso das carnes e de alguns legumes e frutas).

Estes serão, pois, alimentos a evitar durante a gravidez.

Além disto, durante a gestação fritos, alimentos processados, com cafeína ou demasiado açúcar entrarão, também, na categoria da alimentação a evitar na gravidez.

2. Os alimentos a evitar durante a gravidez

São muitos os exemplos que podem exemplificar os problemas acima enunciados.

Ainda assim, alguns apresentam mais problemáticas do que outros e é por isso que, hoje, nos dedicaremos aos 7 maiores inimigos alimentares da futura mamãe.

2.1. Ovos crus na gestação

Falar em ovos crus não significa, obrigatoriamente, falar em salmonela… mas é difícil não associar ambos os conceitos!

Se, por um lado, é verdade que nem todos os ovos irão transportar esta doença, por outro é totalmente impossível, olhando para os ovos, saber se eles irão, ou não, fazer com que viva esta realidade.

Por esta razão e por uma questão de segurança, a grávida deve evitar o consumo de ovos crus e mal cozidos, bem como todos os derivados que o contenham.

Um exemplo de misturas onde o ovo cru está presente são algumas sobremesas de colher, a maionese caseira e as mouses.

2.2. Carne crua na gravidez

Quando a carne é mal cozinhada ou ingerida crua, a futura mamãe corre o risco de contrair o toxoplasmose que, muitas vezes, vive nos músculos do animal.

Desta forma, se não estiver imune ao mesmo, a mamãe poderá viver uma doença indesejada ou, principalmente nos primeiros três meses de gestação, pôr em risco o desenvolvimento ou até a vida do seu bebê.

É, sem dúvida, um elemento a eliminar do menu da futura mamãe.

2.3. Leite e derivados não pasteurizados na gravidez

O cálcio é muito importante para a futura mamãe e a ingestão de leite, iogurte e queijo não deve ser evitada! Ainda assim, no momento de adquirir estes produtos, precisa de garantir que estes foram pasteurizados.

O melhor, para evitar contrair condições adversas à gestação, será apostar no leite pasteurizado e desnatado (magro).

2.4. Carnes frias curadas e enchidos na gravidez

Presunto, pepperoni e salame: alguns deliciosos exemplos de alimentos que deve evitar na gravidez! Estas carnes frias curadas estão cruas e são muito salgadas.

Desta forma, além de poderem apresentar-se como uma fonte de toxoplasmose, podem ainda subir a sua tensão arterial, o que é prejudicial para si e para o seu bebê.

2.5. Marisco na gravidez

O marisco é um alergênico. Se, por um lado, é verdade que nem todas as mulheres fazem reação ao marisco, é também verdade que é comum, durante a gestação, que esta alergia se manifeste.
Evite ao máximo a ingestão de mariscos e, se o fizer, garanta que eles estão bem cozinhados.

2.6. Patês na gestação

Pode parecer uma repetição, uma vez que, muitas vezes, os patês são feitos a partir de carnes e peixes crus que, como vimos, estão vedados à gestante.

Ainda assim, quando falamos em patês, referimo-nos também aos vegetais. Estes alimentos são processados e contém diversos elementos que a mulher grávida não deve ingerir.

Opte por usar outro tipo de recheio, como uma fatia de queijo ou o mel.

2.7. Café na gestação

Durante a gravidez, o consumo de cafeína deve ser reduzido ao mínimo possível.

Estando a cafeína presente em diversos alimentos – café, chá, chocolate negro – esta poderá, com facilidade, atingir níveis demasiado elevados no corpo da gestante, se esta não tiver um cuidado extra com a alimentação.

Assim sendo, para prevenir eventuais complicações, a gestante deverá evitar a ingestão de café durante os meses da gestação.

Assim, durante a gravidez, a nossa sugestão é para que procure alimentos mais frescos, evitando tudo o que contenha os 7 inimigos mencionados ou que seja demasiado processado.

Uma alimentação rica em frutas e legumes, com proteínas saudáveis e os nutrientes mais importantes para a gestação serão os seus maiores aliados.

Aposte numa dieta equilibrada!

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com