5 dúvidas mais comuns sobre cesarianas

Quebra de resguardo: mitos e verdades
22 de junho de 2017
Parto de gêmeos – É melhor normal ou cesárea?
28 de junho de 2017

A escolha do parto por cesariana vem principalmente pela comodidade de se agendar o nascimento, sem sustos e correria.

Veja quais são as dúvidas mais comuns das futuras mamães.

1 – A cesárea é segura?
Nenhuma cesariana é 100% segura. Como qualquer cirurgia, possui riscos.

Este tipo de procedimento só deve ser realizado tendo real necessidade e não por opção ou gosto.

2 – Quais as vantagens da cesárea?
A mamãe pode escolher a data correta que deseja ter seu bebê;
Diminui a tensão da mãe, que se sente mais segura sabendo que o nascimento ocorrerá em um ambiente planejado e dentro do previsto;
A duração do trabalho de parto é mais curta;
A grávida tem a certeza que seu médico estará disponível naquele dia e horários estipulados;
Evita o nascimento pós-termo, onde a duração da gestação se estende às 42 semanas, podendo gerar problemas para o bebê.

3 – Quais as desvantagens da cesárea quando ela não é necessária?
Mães:

Eleva o do risco de infecção, hemorragia, anemias, trombose, morte materna;
A recuperação é mais demorada e dolorida que no parto normal;

Bebês:

Aumento dos riscos de morbidade-mortalidade, principalmente sobre a maturidade pulmonar;
Maior risco de bronco-aspiração das secreções no momento da retirada do bebê do útero,
Um bebê retirado do útero não nasce porque foi privado da experiência ativa do momento;
O bebê não está pronto para nascer e nem foi avisado biologicamente sobre a hora de sair, ou seja, é um ato considerado para muitos especialistas [não todos] como violência, porque força a saída da criança.

4 – É verdade que com a cesárea não se sente dor?
Não. Após o efeito da anestesia existe dor aguda na região do corte. Além disso, há dor quando se movimenta.

No intestino os gases ficam presos devido ao trênsito lento, provocando sensação de cólica. Há também a sensação que a costura pode romper a qualquer movimento brusco.

5 – Quando a mulher pode voltar ao normal?
No primeiro mês não pode forçar movimentos que exijam força abdominal;
Três meses após o parto poderá retomar as atividades normalmente;
Vermelhidão em torno do corte deve ser verificada pelo médico;
Corte na cor vermelha faz parte do processo de cicatrização;
Se ainda houver dores por esforço, respeite o tempo do seu corpo e pegue leve nas atividades.
Muitas das das futuras mamães tem essas dúvidas quanto ao parto cesáreo.

Conte-nos sobre sua experiência com o parto cesáreo, como foi?